fbpx

Telúrica, profana, visceral e ameaçadoras, nós estamos Vivas. Horrorosas Desprezíveis não pretende ser banda, pretende ser a matilha de cadelas raivosa em coro. Uma performance musical embebida em 50ml, 50 minutos em fluxo intenso. Formada em 2016, na cidade de Curitiba, a partir da fusão dos trabalhos artísticos de Amira Massabki (compositora e guitarrista), Jo Mistinguett (sonoplasta e baixista) e Patricia Cipriano (atriz e vocal), o grupo já participou de festivais importantes de teatro (Curitiba, São José do Rio Preto -SP). Também integrou a grade de programação do Festival Plural, realizado bianualmente na cidade de Araçatuba (SP) para celebrar a diversidade. Em 2018, iniciou o processo de gravação do seu primeiro álbum previamente intitulado de Eu Vim do Futuro e Lá Só tem Sapatão, uma obra cujo objetivo é reunir mulheres de várias linguagens (teatro, música, cinema, artes visuais e dança) na produção de um trabalho que expande a musicalidade para além da canção.

Atrações relacionadas

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar